Deprecated: mysql_connect(): The mysql extension is deprecated and will be removed in the future: use mysqli or PDO instead in /home/modamani/public_html/includes/config.php on line 6
modamanifesto
  Busca
  A Identidade Brasileira na Moda

Por Bruno Ost*

Em 1960, Alceu Penna, ilustrador da revista Cruzeiro, refletindo sobre a identidade da moda nacional, disse: "Na estão em curso, a moda está se inspirando em trajes de Espanha, nas listras indianas e nas de Marrocos. Em grande evidência, o bordado Inglês. Ora, por que o bordado Inglês? E por que não o do Ceará? Por que Espanha, Índia, Marrocos e não o Brasil?"

Acredito que esta questão é excelente para pensar o que poderia ser uma identidade brasileira na moda. Quais características estilísticas ou materiais identificariam a moda brasileira como original? É possível limitar esses elementos para identificar-se uma moda com a cara do Brasil?

A moda brasileira é recente. Apesar de grandes nomes surgirem desde a década de 30, a preocupaão com uma identidade brasileira começou apenas na segunda metade do século XX. Somente com a organizaão da indústria têxtil e da criaão de eventos para os desfiles é que a moda tornou-se parte da cultura brasileira e deu início à busca pelos estilistas da diferenciaão de suas criaões das estrangeiras.

Designers brasileiros parecem divergir sobre o que seria uma moda à brasileira. Enquanto uns buscam diferenciar suas roupas com elementos da nossa cultura popular, outros buscam uma moda sem rótulos. De um lado Carlos Miele e suas criaões com fuxicos e búzios, de outro Alexandre Herchcovitch e suas criaões sem rótulos regionais. Porém, Carlos Miele reclamou à revista Exame, de 16 de outubro de 2002, que foi somente após os críticos verem cocares no desfile de Galliano e fuxicos na coleão de Jean-Paul Gaultier, que a crítica aceitou suas criaões.

Cocares, fuxicos, rendas, penas e plumas, texturas e cores brasileiras. A questão da identidade não deve caracterizar uma busca por quais elementos devem fantasiar as roupas do país. Deve-se trazer os elementos de nossa cultura popular à vanguarda da moda. É o modo como usa-se a renda que faz da peça de roupa um item de moda. Voltando para Alceu Penna, por que a renda inglesa e não a do Ceará? Essa questão é fundamental para que os profissionais de moda prestem atenão que no Brasil existem materiais, cores, texturas e técnicas similares às diversas culturas do mundo. As rendas são apenas um exemplo, mas podemos citar o bordado, o couro, o algodão, o jeans, a moda praia e tantas outras criaões e apropriaões que receberam um toque brasileiro.

Deve-se preocupar em refletir não só a riqueza natural, mas também nossa riqueza cultural. O Brasil é um país tropical cujas capitais, em sua maioria, estão na costa. Também, os diferentes climas, as diferentes misturas étnicas com a Europa e a África sugerem uma moda plural, sensual, vibrante, rica em texturas, cores, materiais e imagens. Elementos que ao longo dos séculos foram trazidos pelos estrangeiros para o país e refletem, não somente nossa arte popular e nossa natureza exuberante, mas nossas cidades, nossas mazelas sociais, nossos luxos e exageros, nosso lifestyle.

O Brasil é um país de diversidade cultural e natural. A busca por uma identidade na moda deve abranger essa pluralidade. Dessa forma, o que identificaria as criaões do Brasil seriam os elementos que representassem a cultura brasileira em todos os seus aspectos, e não aqueles que transformassem as roupas em fantasias étnicas.

O Brasil está na moda, vê-se isso nas inúmeras exposiões sobre o país nas mais diferentes lojas do mundo, mas são exposiões de características estereotipadas. É a praia com mulheres de biquíni, o futebol e tantas outras imagens que não são o reflexo de nossa cultura como um todo. Isso não caracteriza uma identidade na moda, mas uma imagem de como vêem o país. Por isso a busca de uma identidade brasileira parece estar apenas começando, pois ela precisa se apresentar ao mundo com sua face plural, que vai do campo à cidade, da floresta à praia.

* Bruno Ost é formado em Publicidade e Propaganda pela UNISINOS e atualmente cursa a Pós Graduação em Design de Moda da ESPM.


Copyright © 2006 - 2013 - modamanifesto
Site melhor visualizado no Mozilla Firefox e no Google Chrome.