Deprecated: mysql_connect(): The mysql extension is deprecated and will be removed in the future: use mysqli or PDO instead in /home/modamani/public_html/includes/config.php on line 6
modamanifesto
  Busca
  Paris - Inverno 2008 - Onde se encontram as tendências para o futuro


Ana Carolina Acom *

Em geral, a moda feminina para o inverno 2008 olhou um pouco para o universo masculino. Faz sentido, em um mundo onde moda é globalizada e a alfaiataria é a grade estrela da vez. A cópia e a produção em massa de tendências são cada dia mais acessíveis, o que propicia a valorização da “coisa feita a mão” e da excelência de bons acabamentos. Assim, o que vemos são cortes perfeitos e peças com estruturas novas e inusitadas: roupas de modelagem geométrica e a presença de origamis (como os da Dior, alta-costura e prêt-à-porter). Além disso, os balonês cedem lugar à tendência “oval”, já usada por Ghesquière no “vestido ovo”, há um ano atrás. O chamado “egg shape” surge em saias, vestidos e arredondados casacos.

Apesar de toda a influência de cortes masculinos, ainda assim a moda é super feminina, prática e ultra-usável. Algumas marcas optaram por volume nos ombros, isso vem aparecendo cada vez mais. A Balenciaga fez um belíssimo desfile, com looks verdadeiramente modernos e contemporâneos. As formas eram ajustadas tanto nos interessantes casacos quanto nas calças. E nos pés, apareceram coloridas sandálias (quase de brinquedo), usadas com meias para inovar de vez. O desfile estava bem colorido, com uma moda misturada, jovem e muito elegante.

(Click nas fotos para ampliá-las.) Elegi alguns desfiles que achei os mais belos dentre a semana de Paris. Destaque para Ann Demeulemeester, que apresentou uma cartela P & B, com referências a um passado não muito bem especificado e um certo ar fantasmagórico e contemporâneo.

O xadrez foi feito par o inverno! O desfile de Jean Paul Gaultier se esbaldou no xadrez escocês e nas gravatas, capas e casacos trespassados masculinos. Meias divertidas e chapéus emplumados. Chiquérrimo!!! Xadrezes maximalistas apareceram na coleção da “punkqueca” Viviene Westwood. Além disso, seus vestidos de festa e sua noiva vieram com volumes muito bem proporcionados pela escolha da nobre matéria prima. Mais do clássico xadrez, também apareceu no desfile da, não menos clássica e sempre linda, marca Chanel.

Destaque especial para a marca própria de John Galliano, simplesmente incrível este desfile! Na passarela surgiram melindrosas e poderosas mulheres dos anos 20, com um ar de decadência e muita teatralidade, em roupas muito bonitas. Os casacos servem como perfeitas peças únicas e a maquiagem foi um show à parte. No final, Galliano faz sua entrada vestido de uma espécie de romântico fazendeiro ou jardineiro de filmes e livros, com direito a ancinho e tudo. Os figurantes também merecem aplausos, diversos personagens que estavam fantásticos!

Outros desfiles selecionados foram: Christian Lacroix, Nina Ricci, Valentino, Emanuel Ungaro e Louis Vuitton. Lacroix trouxe muito preto e alguns brilhos, malhas de lã, “leggs” escuras e botas extraordinárias, curtas e franzidas, amarradas com fita de veludo e repletas de bordados. Nina Ricci apresentou um ar de “Dama da Neve”, mas com muita leveza e fluidez, em malhas lânguidas, cinzentas e em belos vestidos. Valentino e suas clássicas peças em vermelho, tinham algo de retrô, em estudadas e diferenciadas golas e fitas. Emanuel Ungaro: uma moda chique beirando a alta costura, casacos “alcochoados” e de pele, além de brilhos e cortes sedutores. Já a Louis Vuitton, com um dos designers mais comentados do momento, apresenta trajes para meninas de estilo, como de costume. As boinas remetem a algo de parisiense e as bolsas e botas são sempre as mais pedidas.

Encerro o texto com um breve comentário sobre o desfile do genial Alexander McQueen. Suas modelos surgiram com uma mistura de Cleópatras (devido ao make-up) futuristas, guerreiras do espaço ou do deserto, esquimós e alienígenas. Puxa!!! Destaque para os brilhos e para interessantes texturas que formam inteligentes estruturas. É isso aí!

*Ana Carolina Acom é formada em Filosofia pela UFRGS, é pesquisadora e consultora de moda e semiótica das vestimentas.

Fotos: Reprodução


Copyright © 2006 - 2013 - modamanifesto
Site melhor visualizado no Mozilla Firefox e no Google Chrome.