Busca
  Chile Chique

Por Julia Capovilla*

Não, não é um novo trava-língua. Chile chique é a melhor definição para a atmosfera fashion chilena, ou simplesmente chilique, já que todos por lá parecem estar dispostos a dar o último grito da moda.

Nomes como Reñaca ou Viña del Mar não soam muito familiar para os brasileiros, mas nessas duas praias, localizadas na região central do Chile, estão as figuras mais bonitas e elegantes do estreito continente da América do Sul. Óculos estilo Jack O e calças saroel pipocam pelos balneários. As mais assanhadinhas optam pela barriga de fora ou por grandes decotes nas costas. Mesmo sexys, é difícil encontrar alguém que ultrapassasse a linha tênue entre voluptuosidade e vulgaridade. Uma bela lição para as brasileiras, que nesta época do ano costumam exagerar um pouco nos comprimentos e fendas. Ponto para as nossas hermanas.

Completamente diferente da moda brasileira, chicas e chicos mostram uma sensualidade às avessas. Jovens de 15 a 20 e poucos anos desfilam nos calçadões dentro de calças tão largas, que nem de perto revelam as curvas de seus corpos. Dispostos a ditar moda, eles se preocupam em desconstruir o próprio visual para construir uma IMAGEM. O importante é parecer desarrumado, mesmo que se tenha passado horas em frente ao espelho. Tudo para conseguir o look “tô nem aí”.

Calça jeans, tênis, casaco (até mesmo de couro!), bota e mochila causa uma certa estranheza aos desavisados que chegam na costa chilena. Com certeza, o clima contribui para toda esta produção à beira-mar: ventos fortes e águas chegando a 6°C não são muito convidativas ao biquininho utilizado pelas nossas conterrâneas. Provavelmente, também devido ao vento, as chapinhas passam longe das madeixas das descoladas. Já os meninos preferem o cabelo mullet ao rapado, tão comum no Brasil.

Desprovidas do culto ao corpo, as lolitas da areia de Reñaca ou Viña del Mar não regulam medidas, apesar da boa forma, nem parecem se preocupar com celulites e estrias. Felizmente, o estilo “popozuda” está longe de pintar por lá.

Com certeza, o destaque da temporada ficou por conta do charme e bom gosto das chilenas Agora, queridos amigos, só resta esperar que essa moda pegue por aqui!


* Julia Capovilla tem 25 anos, trabalha com comunicação, é publicitária por descuido e estuda jornalismo por opção. Além disso, adora moda e não vê nada de errado nisso.

Fotos: Reprodução


Copyright © 2006 - 2013 - modamanifesto
Site melhor visualizado no Mozilla Firefox e no Google Chrome.