Busca
  Fragmentos Outono/Inverno 2010 – Preto, Rockers e Vampiros


Ana Carolina Acom *

Quando a estilista Maria Elisa retornou de sua pesquisa pela Europa, trouxe todas as idéias e elementos da moda rocker-tomboy, que invadia vitrines e guarda-roupas de menininhas londrinas. A calça de couro “coladésima” e o blazer ajustado em comprimento quase masculino, acompanhado de t-shirt eram tendência obrigatória. Este look, além de estampar todas as revistas, invadia as ruas, como qualquer elemento rock´n´roll deve ser.

A marca fragmentos, que cada vez mais evidencia o vestuário em couro como algo novo e nada clichê, é conhecida pela maciez e superioridade de sua pelica, sempre fortalecida pela excelência em modelagem e misturas têxteis únicas. Nesta coleção, a estilista desenhou as peças ao lado de suas assessoras Ana Carolina Acom (eu) e Carolina Citton Puccini. As Carolinas participaram ativamente da criação, trazendo tendências e idéias ligadas ao universo rocker e aos elementos da moda “vampírica” presente no ar.

Dessa forma, o mostruário foi todo criado em preto, e partindo destas influências não poderia ser diferente. A jaqueta de couro é naturalmente uma peça ligada a história do rock e ao universo de rebeldia. Na atualidade, as formas mais clássicas como a perfecto, bomber ou racer aparecem em todas as revistas e fundamentam os guarda-roupas dos vampiros deste milênio, em seriados e filmes badaladíssimos. A fragmentos resgata estes velhos clássicos e os re-lê de forma bastante original e inusitada. Para isso, foram desenvolvidas estampas digitais exclusivas para o couro e para a tela de seda. Tanto a pelica como a seda pura de vestidos e barras, foi estampada com uma espécie de manuscrito que cobre a matéria com palavras em forma de obra de arte. As criações da marca, que levam nomes de heróis do rock e do vampirismo, são compostas de vestidos, túnicas e casacos em pelica lisa ou estampada. Mas, o grande lançamento da marca é a calça em couro-stretch: toque e visual da pelica de mestiço com o conforto e adaptação corporal da lycra. A fragmentos tem exclusividade no Brasil na utilização desta matéria para o vestuário. (Clique nas fotos para ampliá-las.)
 
Pedras e studs aparecem de maneira bastante sutil na coleção, surgindo em uma das estampas do couro, baseada nos desenhos dos metais punks.  Algumas peças agregaram couro e bordado sempre em pedras pretas, quase como uma sombra. E se o punk resgatou a jaqueta de couro e a t-shirt dos rockers da década de 50, a coleção mescla todos estes elementos e cria uma coleção que poderíamos chamar de Psychobilly, termo referente a um gênero musical, com características do som punk agregado ao Rockabilly dos anos 50. O gênero também é caracterizado por referências a filmes de terror e assuntos como violência e sexualidade lúgubre.

Nesta coleção, a fragmentos apresenta as formas do couro em sua plenitude, revisitando clássicos, que surgem em formas bastante contemporâneas e vanguardistas. Este resultado é alcançado graças à constante busca por atualização, informação de moda e excelência em modelagem.

Conheça a coleção fragmentos - Inverno 2010 na Galeria Showroom.
De 19 a 27 de janeiro de 2010, das 10h às 20h.
Av. Chedit Jafet, 131 – Terraço DASLU – Vila Olimpia – São Paulo.

Ficha técnica das fotos:
Fotografia: Carlos Sillero
Beauty: Jorginho Goulart
Styling: Ana Carolina Acom e Carolina Puccini
Modelo: Katia Kuczynski (Super Agency)

fragmentos.mpf@gmail.com | + 55 51 9288.3432 | + 55 51 9346.5565 | Porto Alegre/RS

*Ana Carolina Acom é graduada em filosofia pela UFRGS e especialista em Moda, Criatividade e Inovação pelo SENAC – RS. Atua como pesquisadora e consultora de moda e semiótica das vestimentas. Possui artigos publicados em todo país, e é responsável pela consulta de estilo da marca fragmentos.


Copyright © 2006 - 2013 - modamanifesto
Site melhor visualizado no Mozilla Firefox e no Google Chrome.